terça-feira, 12 de outubro de 2010

fico feliz.


É inevitável controlar o que eu sinto, depois que o seu olhar em mim se fixou.
O passarinho cantou,
Sentiu que nasceu Amor.
Em um dia quente, no meio do outono. Um dia não esperado, mas desejado.

Mas confuso entro em um caos profundo,
E minhas dúvidas tornam-se cada vez mais certas de suas incertezas.
O medo e a insegurança podem ser minhas maiores fraquezas.
mas a ansiedade também me torna vulnerável.
O meu refúgio está nas profundezas de um singelo deitar
Esquecer o viver, e partir pro sonhar.
Crio o meu mundo, e uma maneira de amar...
fico feliz.

Ygor Aguiar

2 comentários:

Edilson disse...

Existe amor sem medo? Não sei não, acho que é meio que pular sem redes de proteção. Lindo post. Linda semana. Abraços.

...........................C@rlos disse...

parabens chefe =)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails